Hospital de Sena caminha para perder recursos para melhorar unidade

hospital sena

O hospital de Sena perdeu os prazos em 2016 e não teve como acessar os recursos (mais de um milhão) para compras de equipamentos diversos para unidade no município.

Este blog já havia alertado em meados de outubro, aqui

Chegou o fim do ano, o sistema financeiro da Sesacre fechou (agora só em fevereiro ou março) e o hospital João Câncio Fernandes não mexeu um dedo em direção aos recursos de portaria do Hemoacre a quem tem direito e ao recurso também de portaria de emendas da então deputada federal Perpétua.

Nos corredores da Sesacre se ouve reclamação que os projetos de Sena não chegaram (os municípios contemplados, todos, já enviaram seus projetos).,.E quando Sena enviar, se enviar – os recursos só serão liberados para compras de equipamentos quando o ano financeiro da secretaria abrir, ou seja, em 2017.

Com a demora o prazo pode expirar e os recursos serão devolvidos ao ministério da saúde.

São mais de 1 milhão que o JCF tem direito e poderia começar o ano em melhores condições de atendimento à comunidade.

Mas, não…

Isso tem um nome….

Na edição do fim de semana do SENA XXI mais detalhes sobre esse assunto.

J R Braña B.