Protesto no Peru atinge aeroportos e estradas

#peru

Peru faz fronteira com o Acre desde sempre…(porém o Acre nunca explorou a vantagem dessa proximidade)

peru

(turistas esperam em aeroporto de Cuzco informações sobre voos…nas rodovias fechadas, os protestos contra os preços dos combustíveis – foto Néstor Larico – Correo)

Controladores nos aeroportos entraram em greve e somente na cidade de Cusco dezenas de voos foram cancelados…segundo a imprensa peruana, ao mínimo 50 voos. A reivindicação dos trabalhadores: nivelamento e reposição salarial desde 2018. O Sucta (Sindicato Unificado dos Controladores de Trânsito Aéreo pede também a demissão da direção da Corpac (Corporação Peruana de Aviação Comercial).

Mas não só isso: o aumento no preço da gasolina no país fez a população fechar rodovias nas principais regiões…turistas acreanos têm tido dificuldade devido aos protestos…Em Cuzco, o litro da gasolina custa 3,37 Soles (equivalente a R$ 5). Detalhe: o Peru, a exemplo do Brasil, também é produtor de petróleo. Só que em menor escala (produção diária em março foi de 49 mil barril, segundo a Perupetro.

Em tempo: protesto por conta da gasolina cara no Peru! No Brasil não há motivo para protesto desse tipo…todos estão muito satisfeitos com o preço do litro de gasolina e diesel.

J R Braña B.