Ato político travestido de religião: Olha quem fala…

fala

pastor
Print ac – manchete

(…)

Em tempo na IstoÉ: : A Câmara dos Deputados reembolsou o deputado Pastor Marco Feliciano (Podemos-SP) em R$ 157 mil referentes a um tratamento odontológico. O parlamentar argumentou que precisava corrigir um problema de articulação na mandíbula e reconstruir o sorriso com coroas e implantes na boca.(…)

(R$ 157 mil de dinheiro público para arrumar a dentadura do deputado-político-pastor e ele falando em crime de aborto…crime é mulheres morrerem à míngua sem atendimento de saúde)

Em tempo 2: perda de tempo esse político-pastor criticar Lula no Acre…aqui o ‘mito’ Bolsonaro terá a maioria dos votos…aqui ninguém se preocupa com a alta da inflação, carestia da gasolina, do gás, da carne…aqui não existem esses problemas…todos têm empregos, ganham em Dólares, e vivem muito bem.

Em tempo 3: claro, os políticos que não concordam com essa passeata política (que poderia ser somente política mesmo e estaria tudo bem) não falam nada porque precisam de votos….(e a multidão caminhando a esmo na rua nem percebe que está sendo usada para fins nada religiosos)

J R Braña B. (post contém ironia)

oestadoacre.com (inscreva-se no nosso canal..apenas um clique aqui)