Esperar que Temer saia pelas mãos do TSE é esperar pela morte

Sou obrigado a concordar com o Tijolaço, que acredita que Temer se salva pelas mãos do TSE.

Eu nunca levei fé que o ilegítimo possa ser despachado numa sessão de tribunal eleitoral.

Em casos assim é muito difícil uma zebra, uma surpresa pro maioria do povo…

Só acredito na força – ou paralisia – das ruas.

A direita nunca perde em tribunal político no Brasil…

Ainda mais que essa mesma direita ainda não tem a solução dela para o problema que ela mesma criou com o golpe em Dilma.

Posso estar completamente errado, mas esperar solução para o Brasil pelas mãos do TSE é esperar pela morte.

J R Braña B.

Em tempo: o julgamento do TSE continua nesta quarta, às 7h, horário do Acre…você pode ver aqui neste blog pela TV Justiça

Abaixo o que pensa o Brito:


Fernando Brito, Tijolaço

Se julgamento for técnico, processo de cassação cairá

Assisti, com muita atenção, a fase inicial – leitura do resumo do relatório e intervenções das defesas de Dilma e de Temer além da fala do procurador eleitoral Nicolao Dino – julgamento do TSE.

Todo o fundamento da condenação são as declarações dos delatores – Marcelo Odebrecht e do casal Santana.

Não vou discutir se mentem ou dizem a verdade, mas é fato que fizeram declarações, mas não trouxeram provas.

Houve um quê de derrota no discurso do relator.

Obvio que o julgamento é político, mas não prescinde do lado técnico.

Há uma estranha situação nesta ação.

O autor, o PSDB, parece não quer ganhar.

A ré, Dilma Rousseff, por honra, não quer perder.

O réu, Temer, por sobrevivência, quer escapar.

O Ministério Público quer ganhar apenas no discurso da “moralidade”e sabe que a sua bala de prata não vem deste julgamento, mas da delação da JBS.

Quatro dos sete juízes, por política, querem absolver.

Três, talvez só dois, por imagem, querem condenar.

Palpite? Não é aí a morte de Temer, se ela houver.