‘Fraude, burla, esquema, covardia e monopólio contra o servidor’ (v)

escândalodepedavaldo

GabParl

Edvaldo Magalhães diz que está comprovada a ‘burla’ feita pela Fênix e o governo para beneficiar o Avancard

O deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB) relatou a respeito da audiência pública realizada na manhã desta quarta-feira (2) para tratar sobre os empréstimos consignados e o cartão Avancard. Ele citou que não há outro caminho, que não a judicialização do caso. O parlamentar frisou que ficou claro a burla ao que a Assembleia aprovou, que é a margem máxima de 35%. O Avancard seria um puxadinho para burlar a lei.

(…)

“Estamos diante de um grande escândalo. Diante da montagem de um monopólio para que apenas o Avancard tenha condições de operar a margem dos servidores. A Fênix Soft sumiu com a margem dos servidores para forçar a adesão ao cartão Avancard. Não terá outro caminho, senão o caminho da Justiça, com a Promotoria de Defesa do Consumidor. O assalto ao servidor está à luz do dia, covarde”, lembrou o líder da oposição.

Vídeo de discurso do deputado Edvaldo na Aleac