Desejo de todos: governo aposta que BR-364 não ficará mais sem tráfego no inverno

Nos últimos quatro anos foram investidos R$ 1,1 bilhão na BR-364. Neste ano os investimentos são de aproximadamente R$ 300 milhões. A participação do presidente Lula e da presidenta Dilma Rousseff na liberação de recursos e na garantia financeira de execução da obra foi fundamental para que essa nova página na história acreana pudesse ser escrita. Apesar da obra encontrar duras críticas por parte de setores da oposição, deputados de situação e oposição se posicionaram a favor da obra por entender que ela é maior que a política, pois é extremamente necessária para o desenvolvimento econômico e social do Acre.

br_364_foto_sergio_vale_4987406510dJorge Viana, senador acreano, disse que a história do Acre foi dividida hoje em duas partes: antes e depois da ligação da BR-364. “Essa estrada não vai mais fechar no inverno. Não ficará restrita ao tráfego apenas por seis meses no ano. Não há mais isolamento. É preciso celebrar muito essa conquista e aprender com ela. Toda essa estrutura é um investimento público, que a gente faça um bom uso dessa logística!”, disse o senador, que contribuiu de forma significativa para que a estrada pudesse ser concluída. Em 1999, em seu primeiro ano de mandato enquanto governador do Acre, ele tomou a decisão de reabrir a estrada e não permitir mais que ela ficasse sem tráfego nos verões. A partir de então foram 13 reaberturas consecutivas em que, a cada ano, os avanços da obra se revelavam em melhorias para toda a população.

A caravana até o Juruá foi comandada pelo governador Tião Viana.

-Depois da revolução acreana, este é um dos momentos mais importantes da história do Acre, quando as duas pontas dessa estrada que integra os municípios foi unida e, pela primeira vez, após 43 anos, o inverno não vai impedir o tráfego na estrada e as pessoas vão ter a liberdade de ir e vir. Os últimos 80 metros de imprimação que faltavam integram definitivamente o Acre, dando nova oportunidade de desenvolvimento. Este é o dia em que nós unimos o Acre – disse o governador Tião Viana, convidando todos a um movimento de valorização da história acreana.


Join the Conversation