Sofrimento humano na fronteira do Acre com o Peru

fronteiraassisperu

Seres humanos aglomerados (sem máscaras) sob lonas de plástico enfrentam fome, chuva, abandono e as injustiças do mundo egoísta…

Homens, mulheres e crianças, maioria do destruído Haiti – seguem sem saber o que será de sua vidas…tentaram entrar no Brasil para mudar de vida e o sonho se tornou pesadelo…

Agora, se supõe – querem fazer o caminho de volta…e encontram dificuldade para entrar no Peru e começar o retorno…

Sem muitas condições e apoio, as prefeituras de Assis Brasil e do município de Iñapari, no Peru, tentam fazer o que podem com assistência e abrigo…

Do governo Bolsonaro, não se pode esperar nada…a desumanidade é o projeto nacional hoje em curso no Brasil.

Imagens cedidas pela prefeitura de Assis Brasil a oestadoacre

fronteira

J R Braña B.