Mais 10 famílias choram seus mortos no Acre (Bolsonaro: chorar é ‘mimimi’)