ARG 1 x 0 BRA: Bolsonaro só aceita gol impresso