Presidente da Aleac: Usina de energia solar na Vila Restauração

#aleac

energia

Presidente da ALEAC acompanha inauguração da usina de energia solar na Vila Restauração

 

Encravada na selva amazônica, dentro da área territorial de Marechal Thaumaturgo, a Vila Restauração ganhou hoje a primeira usina de energia solar, instalada pela Energisa, em área habitada na região norte. O ato de inauguração da central fotovoltaica aconteceu nesta segunda-feira(5), diante de dezenas de moradores que por anos esperaram a chegada da energia em suas casas. O presidente da Assembléia Legislativa, Nicolau Júnior esteve na comunidade pela segunda vez esse ano, para acompanhar o histórico momento.
“Quando a energia elétrica chega muda tudo. E aqui, vocês que estavam a tanto tempo sem esse serviço essencial, agora terão suas vidas transformadas, e para melhor”, disse.

Nicolau lembrou que o governo do Estado também está executando melhorias na comunidade. Ele citou a recuperação da pista de pouso, que passo por melhorias e a instalação de rede de água. Em maio, quando a Energisa lançou a obra, Nicolau também estava na comitiva, e prometeu aos moradores que voltaria para acompanhar a inauguração. “Eu estava tão ansioso quanto vocês, porque a gente sabe o significado desse benefício para todas as famílias. Com energia em casa a qualidade de vida vai melhorar e vai continuar melhorando com os investimentos do governo aqui”, pontuou. Na Vila Restauração moram 200 famílias. A rede de energia vai atender 293 residências com 222 unidades conectadas, sendo 14 comerciais e 15 serviços públicos.

energia

Estiveram no evento José Adriano Mendes Silva, diretor da Energisa, o governador Gladson Cameli, o prefeito de Marechal Thaumaturgo Isaac Piyãko,o secretário estadual da Fazenda, Rômulo Grandidier, o presidente do Departamento de Estradas e Rodagem, Petronio Antunes, o prefeito do município de Jordão, Naldo Ribeiro, o vice-prefeito de Marechal Taumaturgo, Valdelio Furtado, o presidente da câmara dos vereadores de Marechal Taumaturgo, vereador José dos Santos Furtado e demais autoridades.

(aleac)