Nota Pública: Morte de crianças com síndrome respiratória

nota

nota

Comissão de Sindicância da Sesacre

 

A Comissão de Sindicância da Secretaria de Saúde do Acre, que apura a morte de crianças com síndrome respiratória no estado, tem um prazo legal de 30 dias para concluir seus trabalhos.

Desde o dia 21 de junho, a equipe ouviu oito mães. Foi ouvida também a direção do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco e ainda esta semana a direção do Hospital da Criança.

A comissão solicitou relatórios de todos os profissionais que estiveram de plantão nos dias das mortes, assim como prontuários de atendimentos, situação geral do equipamentos e da quantidade de medicamentos disponíveis.

Após receber as informações, os próximos passos serão analisar os depoimentos, os documentos e elaborar o relatório final.

A Comissão de Sindicância reafirma que todos os procedimentos estão sendo efetuados de forma legal e transparente para esclarecer os fatos à população.

Cleber Fontineles
Presidente da Comissão de Sindicância da Sesacre

oestadoacre.com (inscreva-se no nosso canal..apenas um clique aqui)