Imazon: Reserva Chico Mendes pode virar pasto

imazon resex cm#

Imazon para oestadoacre

Reserva Extrativista Chico Mendes, no Acre, está entre as áreas de proteção mais ameaçadas e pressionadas de desmatamento na Amazônia, aponta Imazon

 

Instituto divulgou o relatório das unidades de proteção da Amazônia que mais sofrem ameaça e pressão de desmatamento. A Resex Chico Mendes aparece nas primeiras posições do ranking

reserva chico mendes

De agosto de 2018 a julho deste ano, o Sistema de Alerta de Desmatamento do Imazon detectou um total de 5.054 km² de desmatamento na Amazônia Legal. Um novo estudo divulgado pelo instituto, que cruza esses dados do SAD para medir o nível de ameaça e pressão por desmatamento em Áreas Protegidas (APs), aponta um aumento de 39% nesses índices, em comparação calendário do desmatamento anterior, de agosto de 2017 a julho de 2018. O calendário é determinado pelo período de chuvas na Amazônia.

Os dados são do relatório anual de ameaça e pressão em Áreas Protegidas do Imazon. O estudo revela ainda que, no comparativo com o ano passado, as mesmas APs continuam no ranking das que mais sofrem ameaça e pressão.  A Reserva Extrativista Chico Mendes, no Acre, lidera o ranking das mais ameaçadas e ainda aparece na segunda posição na lista das mais pressionadas de desmatamento. 

(…)

Ameaça – A áreas de proteção mais ameaçada foi a Resex Chico Mendes, no Acre. É o segundo ano consecutivo que a AP ocupa o topo da lista.

(…)

Pressão – A lista das áreas de proteção mais pressionadas é encabeçada pela  Área de Proteção Ambiental Triunfo do Xingu, no Pará. Em segundo lugar, está a Resex Chico Mendes. No monitoramento do período anterior, de agosto de 2017 a julho de 2018, a reserva extrativista acreana aparecia em quarto lugar na lista, mas, entre agosto de 2018 e julho deste ano, saltou para a segunda posição do ranking.

Pressão – A lista das áreas de proteção mais pressionadas é encabeçada pela  Área de Proteção Ambiental Triunfo do Xingu, no Pará. Em segundo lugar, está a Resex Chico Mendes. No monitoramento do período anterior, de agosto de 2017 a julho de 2018, a reserva extrativista acreana aparecia em quarto lugar na lista, mas, entre agosto de 2018 e julho deste ano, saltou para a segunda posição do ranking.


Ative o sininho e saiba o que sai em oestadoacre no momento exato


E no Brasil…