O cara do Uber que teve sumiço fake

#ocaradouber

uber

Vou na contramão dos motoristas de app que queriam escalpelar o colega do uber ‘desaparecido’ na ‘cidade do povo’.

(Que judiação com as pessoas que vivem na cidade do povo, que não dormiram à noite devido ao buzinaço que foi feito à caça do motorista sumido fake)

Seguinte: tomei dois uber neste sábado e os dois comentaram comigo o sumiço fake aqui de Rio Branco.

O sentimento dos dois oscilaram da solidariedade e depois à decepção e  ira, porque o colega, contaram, estaria num piseiro numa área rural.

ka ka ka!

Bem, não foi o sumido fake que espalhou que havia sumido…

Foram seus parentes que puseram a boca no mundo, e com razão…qual família responsável não ficaria aflita?

Mas os parceiros de aplicativo não querem saber disso…

Eles querem ser ressarcidos do tempo desperdiçado (impossível) na madruga de hoje e do gás que queimaram em busca do sumido fake..,sem contar o estresse com a polícia no centro de Rio Branco quando resolveram fechar a ponte JK (Jorge Kalume).

É uma situação difícil o cara sumir fake e não avisar nem a mulher (não é inédito isso para homem nem para mulher, né?)…

Mas ele apareceu! Deveriam comemorar que o encontraram, pois o sumido fake está vivinho da silva…e amanhã, com os ânimos serenados, conversariam com ele etc etc….

Repito: não foi o sumido fake que pôs a boca no mundo avisando que tinha sumido fake…ka ka ka!

Em tempos de Bolsonaro presidente e do bolsonarimo (doença contagiosa) a alternativa pela violência, para resolver qualquer coisa – vem sempre em primeiro lugar.

Que alegria saber que o motorista do uber não foi sequestrado, está bem e vivaço….!

Não se sabe, porém, se continuará com esse privilégio depois da conversa hoje em casa.

J R Braña B.

PS: no Reino Unido (Ing, Esc, PdeGales e Irlanda) os motoristas da aplicativo agora têm direitos trabalhistas normais como qualquer trabalhador….atenção, locais!!!O Reino Unido é o primeiro a tomar essa providência social.