7 mil alunos indígenas no Acre (uma conquista social importante)

7 mil alunos indígenas no Acre (uma conquista social importante)

indios professores e alunos

fotos:secretariadeeducaçãoAC

E quase 200 escolas.

197 ao total.

Um esforço dessa última década no Acre.

Com governos que não isolaram os índios como outros faziam no passado aqui no Estado.

Até o final deste ano há a previsão de construção de mais 49 escolas e um investimento de 2 milhões.

Alguns dados oficiais da Secretaria de Educação

Investimentos:

[Com apoio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), o Governo do Acre construiu, entre 2011 e 2012, 22 escolas distribuídas em 11 terras indígenas nos municípios do Vale do Juruá, Alto Acre e Tarauacá-Envira, com valor estimado em mais de R$ 1milhão.

Até o final deste ano a meta é construir de 49 prédios escolares, de até cinco salas de aula, com orçamento de 2 milhões.

Também em 2014, devem começar formações para 351 professores, de 14 etnias, em magistério indígena, e 103 em formação continuada, fazendo com que a SEE possua, em seu quadro atual, 97 professores com formação superior.]

Parece pouco.

E talvez seja.

Mas nos governos da Frente Popular os indígenas acreanos sempre tiveram uma melhor atenção do poder público.

Várias conquistas foram alcançadas e outras tantas ainda precisam.

Mas é uma luta.

De um povo e seus costumes.

Nem vamos esticar a conversa das dívidas do Estado Brasileiros com os índios.

Que é imensa.

E que levará ainda algum tempo para ser reduzida.

Paga, jamais será.

Em tempo: o que dizem os tucanos que querem governar o Acre sobre os povos indígenas?


O Acre tem a Unidade Alfa

brhoje dia do indio5 esta

O vai-e-vem da luta para liberar de vez a BR-364, nos trechos de Rondônia, continua.

Neste fim de semana, os bravos homens da Unidade Alfa, do Acre, ligados aos Bombeiros e à Defesa Civil, tiveram muito trabalho.

Como eles mesmo dizem, tiveram que recuperar trechos intrafegáveis para que os veículos, os grandes, possam passar em direção ao Acre, e com destino a Rondônia.

Quando se pensa que as coisas vão estar bem aparece uma  novidade.

Segundo relato da Unidade Alfa, o nível do Madeira subiu no sábado 2cm.

Mesmo assim os heróis acreanos conseguiram passar 170 caminhões de Rio Branco para Porto Velho.

E 137 em sentido contrário.

Com destino ao Acre.

É uma maluquice esse trecho acabado da rodovia federal na região de Mutum Paraná.

Antes alagado e agora destruído.

A Unidade Alfa alterna o comando das operações no local com o pessoal do DNIT, que também está fazendo o seu trabalho.

Trabalho que terá que continuar, pois a rodovia, nesses trechos prejudicados, precisa ser refeita.

[Isso até o mundo mineral, como diz o jornalista Mino Carta, já sabe]

Por aqui segue o menu de pescado

Hoje é domingo.

E domingo é dia de almoço de Páscoa.


Missão chinesa

missao chinesa foto

Eles estão quase direto no Acre.

Na foto, um jantar/reunião com a secretaria de Industria e Comércio.

Foco dos chineses no Acre: piscicultura.

E o ‘boi verde.’

Com pasto natural que só o Estado tem.


Vida nova
haitianos embarcando sabado19

O Governo do Acre continua cumprindo sua missão de ajudar os imigrantes haitianos.

Neste final de semana vários deles tomaram o avião para outros estados.

Em busca de trabalho e de dignidade.

O Acre fazendo a sua parte.

[foto:secom]


Perpétua e Mototaxistas
perpetua e mototaxistas foto

A deputada reuniu com os profissionais e debateu com eles a instalação nas motocicletas do Mototaxímetro.

Igual ao dos táxis.

Para não ter reclamação do passageiro na hora da cobrança de uma corrida.

A Flor tá em tudo mesmo.


Céu da capital
foto balão semana santa

E o balão da EME Amazônia cruzando os ares de Rio Branco em plena semana santa.

Lotadinho.


Frase

Peguem os judas, hoje

Governador Tião Viana, via twitter, sugerindo malhar os judas…


Luciano do Vale (vídeo)

Morreu sábado, aos 66 anos, em Minas.

Para mim, a voz mais bonita entre todos os narradores de TV.

O filme é uma homenagem a Telê Santana e o melhor time de todos os tempos do Brasil na voz maravilhosa  de Luciano do Vale.

Eu tinha 19 anos em 1982.

Mas até hoje me emociono.

[imagens da TVE-España e o Canal+]


Por hoje, FIM