Perpétua: ‘Bolsonaro passou dos limites’

perpétua dep #

Dep fed Perpétua Almeida

Por Perpétua Almeida
Deputada Federal pelo Acre e líder do PCdoB na Câmara

Jair Bolsonaro passou dos limites. Ocupante do mais alto cargo da República, eleito por voto popular nas eleições de 2018, o presidente deve explicações urgentes ao povo brasileiro: precisa vir a público e dizer de forma clara que não apoia a convocação de manifestação contra os poderes da República, pilares de nossa democracia, o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal (STF).

Como vivemos em uma democracia, os cidadãos são livres para expressarem suas opiniões e nos limites das leis, da Constituição e de forma pacífica. É inadmissível que Bolsonaro permita o uso de seu nome para insuflar mobilizações contrárias ao regime democrático.

Ao compartilhar vídeos de apoio a manifestações que achincalham e pedem o fechamento das instituições democráticas, o presidente mostra que “não está à altura do altíssimo cargo que exerce” e “pode ser responsabilizado por crime de responsabilidade”, como afirmou o ministro Celso de Mello, decano do STF.
Como bem declarou o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, “criar tensão institucional não ajuda o País a evoluir. Somos nós, autoridades, que temos de dar o exemplo de respeito às instituições e à ordem constitucional. O Brasil precisa de paz e responsabilidade para progredir”.

(…)