100 anos dos Servos de Maria em Sena Madureira

servosdemairasena

servos de maria
Arquivo: igreja de Sena Madureira

(…)

Diocese de Rio Branco e os Servos de Maria em Sena

No dia 15 de novembro de 1921, as irmãs chegaram à Sena Madureira para iniciar seus trabalhos missionários. Com a chegada das Servas de Maria Reparadoras na Prelazia, Dom Próspero decidiu fundar um colégio, que foi inaugurado no ano de 1922, na mesma casa das Irmãs, que assim servia de moradia, sala de trabalho, de aula e de cozinha. A presença de um grande número de crianças órfãs ou abandonadas na comunidade de Sena Madureira foi decisiva para a ação das Servas de Maria.

A primeira intervenção das religiosas se dirigiu ao cuidado dessas crianças, especialmente no que concernia a sua formação humana e social. Para tanto, abriram as portas e criaram um internato para abrigar as crianças e jovens da comunidade. A ação das Irmãs nesse momento, foi realizada através de aulas de prendas, cantos, coral e teatro infanto- juvenil. Foi adquirida pela Prelazia um terreno próprio, onde no dia 01 de maio de 1927 foi colocada a primeira pedra do atual prédio. E no dia 15 de junho de 1929 houve a grande inauguração.

Versão primeira do Colégio Santa Juliana e os primeiros Servos de Maria em Sena Madureira

servos de maria

(…)

Em tempo: seu principal servo chegou quatro décadas depois (na década de 60) e foi Padre Paolino Baldassari, que serviu – SERVIU!!!!! – em Sena Madureira por meio século.

A foto abaixo – de autoria de oestadoacre – já foi usada até pelo G1, da Globo

J R Braña B.